thumbs
segunda, 08 janeiro 2018

Acolher de Coração 2017

75 famílias rezam por pessoas e famílias que estão em situações mais fragilizadas.

Este ano a equipa do Acolher de Coração aumentou com 2 famílias: Madeira Rodrigues e Dias da Silva! Damos graças a Deus!

Participaram no Acolher de Coração este ano 75 famílias

28 pertencem à Liga de Famílias + 2 União de Famílias
45 vêm de outros Ramos ou são Peregrinos do Santuário

8 Instituições com 76 famílias, pessoas adultas ou crianças
Este ano entrou pela 1ª vez o Vale de Acor.

Encontro com as Instituições dia 17 de Dezembro

Todas as responsáveis das Instituições foram convidadas para este encontro no Santuário, onde se encontraram com os Amigos de Coração que puderam aparecer, e que começou com a Eucaristia das 12h.
No ofertório da Missa foram entregues 8 casinhas de simbolizando cada uma das Instituições. Estas casinhas foram colocadas depois no Presépio das Famílias.

O encontro aconteceu como de costume onde as responsáveis de 6 Instituiçoes estiveram presentes e se encontraram com os Amigos de Coração que puderam aparecer.

Depois da Missa terminar, aconteceu um momento de oração com todos, onde as responsáveis das instituições foram convidadas a rezar no Santuário.

A seguir a isso deu-se o encontro com cada Instituição e os seus Amigos de Coração para conhecerem um bocadinho melhor, e poderem combinar o que quisessem. Entregaram também os presentes para os seus Amigos de Coração.

O ambiente estava muito bom e alegre e pelo que ouvimos de ecos as responsáveis das Instituições gostaram muito de participar na Missa e no encontro em si.
Os voluntários também gostaram bastante e alguns vão participar já em Janeiro em atividades das Instituições.

Embora o Acolher de Coração tenha um ponto alto no tempo de Advento e Natal, a todos so voluentários Amigos de Coração é pedido que continuem durante todo o ano a rezar e a oferecer capital de graças pelo seu Amigo de Coração.

Este site utiliza cookies. Continuando a navegar está automaticamente a autorizar os mesmos. Continuar